21 de dez de 2009

PAPAI sempre, NOEL nem sempre...


Conta uma lenda bem filosófica que Deus – o Papai – precisou de um ajudante em uma data muito especial, onde na Terra, em quase toda sua população, cantava-se e brindava-se o nascimento daquele que foi o Mestre do Amor e onde crianças ficaram sendo sua própria imagem, graças à inocência de suas essências.

Papai então pediu para um velhinho de grandes barbas que viesse à Terra para encantar todas as crianças. E assim foi feito: nasceu o Noel!

Porém Noel não podia dar conta de tudo sozinho, o trabalho era imenso e nem todas as crianças seriam atendidas. Foi quando Noel resolveu fazer de cada adulto um auxiliar seu, para que nenhuma criança na Terra ficasse sem a alegria de receber um presente no dia de Natal! Acontece que, infelizmente, poucos aceitaram a missão de agradar uma criança e hoje Noel faz: “Ho, Ho, Ho”, que na verdade significa: “soluço, soluço, soluço”...

À você, que é Noel na Terra, peço ao Papai que dê saúde, paz, união, prosperidade e muitas bênçãos!



Feliz Natal!


(Marly Moraes)

.

Nenhum comentário: