20 de ago de 2011

É Tempo de Ver o Sol




É Tempo de Ver o Sol


É tempo de ver o sol, ainda que seja noite,
pois sabemos "racionalmente" que o sol não sumiu,
apenas se escondeu para que a lua se exiba no céu.


Então, deixar-se aquecer pela certeza de que a felicidade não sumiu,
apenas deu um tempo para que a tristeza se exibisse,
mostrasse para você que o melhor de tudo é ser feliz,
e que, se perdeu um amor, não perdeu a capacidade de amar,


Se perdeu um dente, a boca ainda está no lugar,
se perdeu um emprego, a experiência ainda está lá,
se perdeu um parente, outro ficou para cuidar,
se perdeu um sonho, esta noite foi feita para sonhar.


Não se perca de você, este sim é difícil de achar.
O resto é manter a chama do amor acesa,
pois somos essencialmente feitos de amor,
tudo em nós é música suave, é poesia e calor,
nós é que nos escondemos, nos assustamos, esfriamos.


É tempo de acender tochas amorosas em nós mesmos,
espalhar o amor como semente generosa,
e confiar que, no tempo certo, colheremos
cestos e cestos de flores perfumadas,
perfume de muito valor,
o perfume do amor.


Eu acredito em você!



Paulo Roberto Gaefke

4 comentários:

Paulo Sotter disse...

Oi Lilian. Que texto lindo!
É importante sempre ver os dois lados de tudo o que nos acontece. Sempre haverão perdas, momentos difíceis, mas com certeza depois de cada dificuldade surgirá uma nova possibilidade de voltar a felicidade, com mais intensidade ainda. Um abraço!

Loiane Sodré Matos disse...

Oi,gostei muito do texto estou tambem com um blog gostaria que visitase ja estou seguindo o seu.Um beijo
LOIANE SODRE MATOS

Paulo Sotter disse...

Passando para te desejar uma boa semana. Abraço!

Paula. disse...

Que mensagem maravilhosa.
Parabéns pelo blog
Gostei mtoo
Vou te visitar mais vezes.
Beijao